Exposição de Burle Marx conta com o apoio da Comgás

A exposição “Roberto Burle Marx: uma vontade de beleza” está em exibição, e o final de semana de sua inauguração, 29 e 30 de novembro, contribuiu para que a Pinacoteca do Estado de São Paulo batesse recorde de visitação, recebendo mais de oito mil pessoas. A mostra, que acontece até 22 de março de 2015, conta com o apoio da Comgás, via Lei Rouanet.

Oferecendo um panorama de sua diversificada produção artística, a exposição traz cerca de 80 obras, entre pinturas, desenhos, estudos, projetos, cerâmicas, vidros, joias e tapeçarias de Roberto Burle Marx, conhecido internacionalmente como um dos mais importantes arquitetos paisagistas do século 20.

Aproveite! Visite a Pinacoteca!

Pinacoteca Praça da Luz, 02 - Luz +55 11 3324-1000

Terça a domingo das 10h às 17h30 com permanência até às 18h. As quintas até às 22h.

Ingresso combinado (Pinacoteca)

R$ 6,00 (inteira) e R$ 3,00 (estudante)

Grátis as quintas, após as 17h, e sábados.

Crianças com até 10 anos e idosos maiores de 60 anos não pagam.

Saiba mais sobre Roberto Burle Marx!

Burle Marx nasceu em São Paulo no ano de 1909 e construiu os alicerces fundamentais de sua obra inspirados nos seus pais, Cecilia Burle, uma grande musicista pernambucana, romântica e lírica, e Wilhelm Marx, alemão, objetivo e racional.

Em 1928, o artista transferiu-se para Berlim e começou a entrar em contato direto com as obras dos movimentos de vanguarda europeus – Picasso, Van Gogh, Arp, Klee etc. Em 1930, de volta ao Brasil, passou a frequentar a Escola Nacional de Belas Artes (Enba) no Rio de Janeiro, onde teve professores como Portinari e Leo Putz. Na década de 1930, passa a integrar sua obra paisagística à arquitetura moderna, experimentando formas orgânicas e sinuosas na elaboração de seus projetos.

Em 1949, Roberto Burle Marx organizou sua grande coleção no Sítio Santo Antônio da Bica, hoje Sítio Roberto Burle Marx. A partir de 1973 este passa a ser a residência oficial do artista. Além de um acervo botânico dos mais importantes, por seu tamanho e abrangência, a propriedade abriga as coleções reunidas por ele ao longo de mais de oito décadas de vida.